Bem-bom

Yes
It has to be with you, I see
You are a charming company
The night is young and so are we
So let be sung our melody

Come, baby, take me to play
Come, baby, shake me and say
We´ll stay alone from now on
With me you´ll be in the bem-bom

Feel in the breeze that is in the air
A new and sweet affair
I feel the night will be so complete and swell
Well, let´s go
Let me tell you low:

Sad is to live in solitude
Glad is to fall in love with you
Now we are free, now we agree
It´s up to us, just you and me

_____________________________________________________________

É
Só tem que ser é com você
Porque senão não tem porquê
Porque seu tom é tão pro meu
E eu sou mais você e eu

Vem me cantar, me tentar
Vem me tocar, me pegar
Como uma canção de amor
Que nasce agora no ar
Com o frescor da brisa, o calor
A cor do teu olhar
Que me alisa a pele em plena flor
Pra te dar
Meu amor, meu bem
Vem mais pra cá, está demais
Mais vai ficar pra lá de bom
Em corpo, em cor, em som de vai
E vem que tem, cai no bem-bom

Vem me cantar, me tentar
Vem me tocar, me pegar
Com uma canção de amor
Que nasce agora no ar
Com o frescor da brisa, o calor
A cor do teu olhar
Que me alisa a pele em plena flor
Pra te dar
Meu amor, meu bem

Vem me amar, me chamar
Vem me pegar, me levar
A uma festa a dois
É só o que resta pra nós
Tem tanta gente, a gente nem vê
A hora de ficar
Eu e você, nós dois, como tem que ser
Sem pensar
Em depois, enfim

Só mesmo a gente noite adentro
Dentro e fora, agora sim
O nosso amor vai ser assim
Eu pra você, você pra mim

Música de Arrigo Barnabé e Eduardo Gudim, e letra de Carlos Rennó, 1985